PÁGINA FACEBOOK

https://www.facebook.com/pages/Autor-da-Minha-Hist%C3%B3ria/352657488156512

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Umas palavras para ti...


Óbvio que te amo muito. Que penso em ti todos os dias. Só Deus sabe o quanto penso em ti, mas eu não posso fazer nada contra o teu querer. Estás longe, porque queres. Não me falas, porque queres. Não me procuras, porque queres. Não me fazes presente na tua vida, porque queres. Afastaste-te porque quiseste. Não te lembras de mim. Não me amas, não me queres, não significo nada. Se ninguém é culpado por amar, também ninguém é culpado por não amar. E todos estes teus quereres, ao longo destes anos todos, trouxeram-me ao presente. E está provado que não me amas, nunca amaste de jeito nenhum. Contra isto, eu nada posso fazer. Só me resta, encolher os ombros às tuas atitudes, sentar-me, relaxar, e acreditar que o Destino tem algo muito bom para mim lá na frente. A vida são momentos, e o nosso já lá vai. E eu, vou aproveitado os breves momentos felizes que tenho, para ganhar forças, e passar pelos dias sem ti, e enche-los de esperanças de um futuro muito melhor. Hoje sei que o que estou a viver é um amor não correspondido, e por isso mesmo, só me resta aceitar e conformar-me. Sempre ouvi dizer que: é sempre mais feliz, aquele que mais amou. E que quem ri por último, ri melhor. De nós os dois, foste tu quem riu primeiro. Então isso só quer dizer que eu vou ser o último… 


2 comentários:

  1. Queria dizer tanta coisa sobre o muito que já li neste blog...mas as palavras não me chegam, parecem-me pequenas, perante as paginas onde te escreves.
    Abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelas palavras e pelo apoio!
      Abraço.

      Eliminar